Diga logo que a ama: Demi Lovato e a síndrome do “flop” que nunca existiu

Dentre as muitas surpresas que o ano de 2017 reservou para o mundo da música, quero destacar uma das que me deixou mais impressionado. Após a sua primeira indicação ao Grammy, Demi Lovato parece ter saído da zona que a caracterizavam como um “flop“, e ganhado cada vez mais atenção dos consumidores da cultura pop. Não me … Continue lendo Diga logo que a ama: Demi Lovato e a síndrome do “flop” que nunca existiu