Americanos promovem boicote à Beyoncé após ela afrontar a polícia branca no Super Bowl com “Formation”

    Publicado por Vinícius Dias | em 9 fevereiro, 2016| 0 comentários

Beyoncé trouxe racismo e questões sociais ao palco do Super Bowl ontem, mas nem todos gostaram disso.

Em especial, os americanos mais conservadores e extremistas, que agora estão promovendo um boicote gigantesco à cantora e seu novo single, Formation, em que ela exalta o empoderamento negro. O clipe da faixa, que foi filmado em Nova Orleans, em que a prática da intolerância é ainda mais enraizada, e inclui frases como “parem de atirar em nós”, uma clara mensagem à violência da polícia branca contra a periferia negra, também não caiu nas graças desse povo.

beyonce-formation-video

Beyoncé mostrando o dedo do meio em seu novo clipe

Segundo relatórios fornecidos com exclusividade ao Washington Examiner, oficiais de polícia chegaram até mesmo a desligar seus televisores durante o Halftime Show para não ouvir Beyoncé cantar sobre o tema.

Na página oficial da cantora no Facebook também são inúmeros comentários problemáticos afirmando que ela não tem propriedade para discutir racismo e que só está atrás de “atenção”, já que é uma estrela pop rica e que vive de polêmicas.

O Super Bowl 50, em que ela dividiu o palco com Coldplay e Bruno Mars, foi independentemente o mais assistido da História até então.

Share Button

Escrito por Vinícius Dias

Bio: Mora em Viçosa (interior de Minas Gerais), ama passar o tempo lendo um bom livro ou assistindo a seriados de ficção científica e divide seu tempo online entre o Portal Famosos BR e, como também é humano, o Facebook.




ESPECIAIS PF

  • GRAMMY 2016
  • #PFBREVIEW
  • GLOBALIZATION
  • Entrevistas
  • replay
    • Destaque da Semana

      Katy Perry

      Veja as últimas notícias +


    Tweets de @sitepfbr